"Maria Ana é dona de uma voz distinta, comovente e suave, não retirando com isso o sentimento e a garra que o Fado tradicional exige. Consegue controlar bem o seu poder vocal nas mudanças de registo para além de uma boa interacção com o público que flui de modo natural, sem necessidade de ser popularucha ou cair em exageros. Neste concerto aliás a naturalidade é uma das suas características, aliada a uma sensibilidade bastante característica de Rodrigo Serrão, produtor e director musical, e também de Maria Ana Bobone que mostra virtuosismo ao piano."

Rui Lavrador in "Hardmusica.pt"

Maria Ana owns a distinct, touching and soft voice, with the feeling that traditional Fado requires. She sings powerfully and has a natural interaction with the public that flows with ease. Actually, naturalness is the key element in this concert, combined with the expertise of Rodrigo Serrão , producer and musical director and Maria Ana Bobone showing virtuosity at the piano.

Rui Lavrador in Hardmusica.pt

Comment